Navegar para Cima

Nossos Diferenciais

Formação Docente

A busca constante pelo aprimoramento da formação de nossos professores e funcionários faz parte do cotidiano escolar.

​​​​​​​​​​​​​​​​​​​Diante de uma educação em constante transformação e com novos desafios diários influenciando o jeito de educar, o Marista Ipanema tem como uma de suas prioridades investir em formação integral e em formas de alcançar a excelência acadêmica.

qualificação dos educadores é essencial nesse processo. Por isso, são realizadas atividades como jornadas pedagógicas, cursos, seminários e demais eventos na área da educação com foco na participação de colaboradores. 

Partilhas de boas práticas

A comprensão da importância de qualificação de professores motivou o Colégio a criar o projeto Capacitar. A proposta consiste em um momento que incentiva a partilha de experiências entre os diferentes segmentos de ensino.​ Em julho, os educadores apresentaram as boas práticas trabalhadas no primeiro semestre de 2018, abordando temas como Inclusão: uma prática viável,  O encantamento da alfabetização está nos diferentes olhares, O problema como solução, Representações do corpo e O protagonismo infantil na busca do conhecimento.​

Pensamento Computacional

Educadores de 4º e 5º anos do Ensino Fundamental trabalharam metodologias para usar o Pensamento Computacional em sala de aula. Foram aprofundados estudos da aplicabilidade do projeto por meio da prática dos Jogos Boole, que consistem em uma estratégia pedagógica para potencializar o processamento de informações, por meio de histórias lógicas, que fazem uso da manipulação de cartas para a organização do pensamento.

​​ Texto auxiliar da imagem

Educadores experimentam uma das ferramentas do Pensamento Computacional​

Os saberes do Pensamento Computacional, nos espaços educativos, promovem qualificação, gestão de sala de aula e situações de ensino e aprendizagem. Com uma dinâmica interdisciplinar, o projeto reúne diferentes componentes curriculares, abordando um contexto mais coletivo. Dessa forma, auxilia o desenvolvimento de competências dos estudantes para capacitá-los para a aplicação de estratégias para problemas e situações complexas, articulando saberes da vida escolar com os saberes do dia a dia em diferentes contextos.​

Formação da equipe pedagógica

Junto aos demais Colégios e Unidades Sociais da Rede Marista, a equipe do Marista Ipanema participou do Encontro de Coordenadores, realizado no Recanto Marista Medianeira, em Veranópolis. Cerca de 130 gestores das áreas Pedagógica, Orientação Educacional e Pastoral Escolar se dedicaram a pautas relevantes comuns a todas as áreas e a momentos de aprofundamento de assuntos específicos. A programação contou com lançamento das Diretrizes da Educação Inclusiva na Educação Básica da Rede Marista, diálogos e trabalhos acerca das novas configurações da Base Nacional Comum Curricular.

Texto auxiliar da imagem

Cerca de 130 coordenadores participaram do encontro

Protagonismo estudantil no processo de ensino-aprendizagem

Para ampliar ainda mais o repertório de seus educadores, o Marista Ipanema deu início, em junho, a uma nova proposta: um grupo de vivências, estudos e partilhas sobre Metodologias Ativas. Essas metodologias preveem uma participação maior do próprio estudante na construção da aprendizagem, possibilitando que os conhecimentos sejam mais significativos; e, portanto, mais efetivos. A ideia é que os estudantes sejam protagonistas através da aplicação dos saberes nas suas vidas ao invés de decorar os conteúdos. O projeto de aprofundamento das Metodologias Ativas, que segue até o mês de agosto, envolve dez educadores dos diversos segmentos e áreas do conhecimento.​

​​ Texto auxiliar da imagem

Dinâmica propõe reflexão sobre participação dos estudantes


Pe
rspectivas para o Ensino Médio 

Nos dias 10 e 11 de maio, cerca de 180 professores, especialistas em tecnologias educacionais, gestores de escolas e coordenadores pedagógicos participaram do Fórum Marista de Ensino Médio. Realizado no Colégio Marista de Brasília – Maristão, o encontro teve como tema central na edição deste ano Conexões Maristas: experiências, vivências e perspectivas para o Ensino Médio. O vice-diretor educacional, Fernando Degrandis, a coordenadora pedagógica dos Anos Finais e Ensino Médio, Cristina Nunes, e a professora de Matemática, Letícia Saraiva, representaram o Marista Ipanema no evento. O Fórum oportunizou reflexões e vivências sobre o Ensino Médio, considerando a evangelização das juventudes, a cultura juvenil, o currículo escolar, as tecnologias digitais e as experiências significativas do Sistema Marista de Educação. 

​Formação de leitores

Encerrando o primeiro semestre, o Marista Ipanema recebeu, em julho, a Editora FTD para um momento de formação com educadores, em que a leitura foi trabalhada como forma de convocar o mundo e de derrubar fronteiras disciplinares. Com os professores da Educação Infantil e dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, foi abordada a mediação de leitura, com o intuito de aproximar a criança e o livro. Já com os educadores dos Anos Finais e do Ensino Médio, o foco foi pensar os limites entre os universos do livro e do mundo real, discutindo a construção de narrativas com um olhar diferente do tradicional.

​No início do mês de abril, a educadora Silvia Bairros participou do V Biblioencontro e Aula Inaugural do Curso Técnico em Biblioteconomia 2018, promovido pelo Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS). No evento, Silvia, que atua na Biblioteca do Colégio e é Técnica em Biblioteconomia, partilhou sobre sua atuação, rotina de trabalho e a importância da profissão de técnico em biblioteconomia, a qual foi regulamentada recentemente. ​

Tecnologia como aliada em sala de aula

Com o objetivo estratégico de garantir a excelência na educação com o Projeto Educativo Marista, o projeto Conexões foi inserido no planejamento estratégico do Colégio. Através da utilização do equipamento Apple TV, o qual possibilita o espelhamento de iPad e a utilização de recursos como aplicativos para dispositivos móveis, ampliamos as possibilidades de mobilização do professor em sala de aula; redimensionamos a estrutura tecnológica oferecida; desafiamos os educadores e buscamos mais atratividade através da interatividade.

Ao longo de 2015, todas as salas do prédio C (ao todo, 15 salas) foram equipadas com a tecnologia e 100% dos professores dos Anos Finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio foram capacitados a trabalhar com a tecnologia proposta. Em 2018, a proposta foi ampliada aos educadores de 2º a 5º ano EF, para que os professores possibilitem, ainda mais, o desenvolvimento de processos pedagógicos inovadores aliados à tecnologia. ​

​Resgate de saberes: Jornada Pedagógica

Para receber os estudantes, na volta às aulas, com qualidade e alinhamento no fazer pedagógico, os educadores do Marist​a Ipanema iniciaram o ano com a Jornada Pedagógica 2018. O evento compreende momentos de formação continuada, dedicados ao planejamento, reuniões de segmento, organização da rotina e dos espaços. 

​​ Texto auxiliar da imagem

Educadores se reúnem para momento de formação

Durante a formação, foram trabalhados os documentos norteadores das práticas pedagógicas da Rede Marista, além de assuntos como pesquisa e iniciação científica, estratégias de avaliação, planejamento, práticas pedagógicas e processos de aprendizagem. O Marista Ipanema acredita que momentos formativos, como a Jornada Pedagógica, são de fundamental importância para os educadores, pois resgatam os saberes, ampliando conhecimentos, aprimorando habilidades e o desenvolvimento pessoal e profissional.​