Navegar para Cima

Notícias

Autoavaliação online possibilita acompanhamento do aprendizado

Turmas do 5º ano EF ao 3º ano EM participam da atividade nos laboratórios de informática da escola
02/04/2017
Inovação
Turmas do 5º ano EF ao 3º ano EM participam da atividade nos laboratórios de informática da escola

​​Em 2016, o Colégio Marista Rosário deu início ao projeto de Autoavaliação Online, iniciativa que convida os estudantes a fazerem uma crítica sobre seu próprio desempenho escolar por meio de uma plataforma totalmente digital. Neste ano, o projeto segue com as turmas do 5º ano EF ao 3º ano EM, que podem identificar
potencialidades e possíveis fragilidades que ainda não foram superadas de forma mais prática e sustentável.

A ferramenta também possibilita um maior acompanhamento por parte dos educadores ao longo do ano. Orientadores educacionais, coordenadores pedagógicos e professores tutores podem acessar a análise junto aos alunos, ampliando o diálogo na busca do crescimento contínuo. “Podemos prestar cada vez mais auxílio às crianças e aos jovens durante o andamento do que chamamos de metacognição, que é a capacidade do indivíduo de refletir sobre seu processo de conhecimento”, explica a orientadora Simone Venturini.

Entre os questionamentos na autoavaliação do 5º ano EF, por exemplo, estão as que incentivam os estudantes a aliar os conhecimentos de sala de aula com o convívio em grupo: “Reconheço que cada um é responsável pelo lixo que produz, portanto coloco lixo no local adequado, nos diferentes locais do colégio (recreio, saída de estudos, sala de aula)?” e “Proponho ideias e soluções para problemas do dia a dia, baseado no que estou estudando.”

Nos Anos Finais e EM, são avaliados itens como convivência; pontualidade e organização; expressão, ponto de vista e oralidade; avaliação, ética e estética. Neste último item, os alunos respondem se cuidam do patrimônio da escola, como mesas, cadeiras, etc. O modo de aprender dos estudantes também é questionado através de afirmações como: “Tenho facilidade para me apropriar de conceitos, nomes e números, demonstrando boa memória” ou se “Aprendo participando, argumentando e auxiliando os colegas”, entre outras possibilidades.