Navegar para Cima

Notícias

Educação em debate estreita diálogo entre escola e família

Em encontros e bate-papos no formato de painéis de discussão multidisciplinares, pais, familiares, estudantes e educadores se reunem, de forma colaborativa e voluntária, para refletir sobre assuntos que contribuam para o alcance de uma educação...
03/05/2017
Formação
Em encontros e bate-papos no formato de painéis de discussão multidisciplinares, pais, familiares, estudantes e educadores se reunem, de forma colaborativa e voluntária, para refletir sobre assuntos que contribuam para o alcance de uma educação...

​​​Educação em debate. Conexões e movimentos que extrapolam a sala de aula e estreitam, ainda mais, a parceria e o diálogo entre a escola e a família marista. Esse é o mote do novo projeto do Colégio Marista João Paulo II que surge da necessidade de discutir e explorar temas atuais e relevantes que auxiliem na compreensão do comportamento de crianças e jovens nos âmbitos familiar e escolar e em sociedade.

Em encontros e bate-papos no formato de painéis de discussão multidisciplinares, pais, familiares, estudantes e educadores se reunem, de forma colaborativa e voluntária, para refletir sobre assuntos que contribuam para o alcance de uma educação efetiva, atendendo às exigências do mundo contemporâneo e que promovam a vida, a felicidade e a formação de crianças e jovens maristas e de toda a comunidade.

O primeiro encontro para pais da Educação Infantil ao Ensino Médio já aconteceu e trouxe as mães de estudantes maristas Mônica Mulatinho e Paula Pacheco, conversando, voluntariamente, sobre temas que repercutiram nas últimas semanas: o desafio da Baleia Azul e a série da Netflix 13 Reasons Why. Mônica, que é médica, terapeuta e palestrante e, Paula, que é especialista em Segurança da Informação trouxeram à tona, sob mediação da coordenadora pedagógica Bruna Santos e interagindo com os pais da plateia, assuntos, como depressão, cyberbullying, afetividade, relações familiares, segurança e acesso à tecnologia.

​Para Francys Vilella, mãe de estudantes dos Anos Iniciais e Ensino Médio, o evento foi um momento de formação. “Acredito que a escola seja um espaço não só de educar nossos filhos, mas, também, de, junto com a família, formar pessoas. E, ultimamente, tenho concluído: formar pais também!”, reforça.

Você pode ser o próximo a contribuir, com seu conhecimento, para a formação de pais, educadores e estudantes, sugerindo temas e participando do nosso encontro. Aceita o convite? Para isso, basta enviar um e-mail com a proposta para comunicaçã[email protected].

Assim, nós – escola e família – construiremos, juntos, novos espaçotempos de aprendizagem.

Confira o material apresentado no primeiro encontro

Are You ​Lost In The World Like Me?

​Olha, pai!