Navegar para Cima

Notícias

Marista Medianeira investe na formação de educadores

Através do Plano de Formação Docente estruturado pela escola para os próximos anos, a ação formativa é planejada desde as situações cotidianas, aos projetos previamente elaborados.
13/07/2017
Formação
Através do Plano de Formação Docente estruturado pela escola para os próximos anos, a ação formativa é planejada desde as situações cotidianas, aos projetos previamente elaborados.

​​Em sua Proposta Pedagógica, a Rede Marista contempla a perspectiva integral de desenvolvimento dos educandos, tendo como princípio norteador a educação como direito fundamental. Dessa forma, o Colégio Marista Medianeira realizou, durante o primeiro semestre de 2017, encontros de formação com os educadores com o objetivo de promover momentos de estudo, aprofundamento teórico e reflexão sobre a proposta pedagógica desenvolvida pela Rede Marista, para aprimorar o ensino oferecido.

Através do Plano de Formação Docente estruturado pela escola para os próximos anos, a ação formativa é planejada desde as situações cotidianas, aos projetos previamente elaborados, bem como, a reflexão aprofundada sobre os elementos teóricos que orientam as ações desenvolvidas. Estes elementos contribuem para a valorização da ação docente como produtora de conhecimento e, de acordo com o Coordenador Pedagógico dos Anos Finais e Ensino Médio, Giovan Longo, “esses momentos são fundamentais para que haja uma permanente reflexão a respeito da prática pedagógica e das concepções educativas de cada professor, pois permitem que o docente possa pensar sobre sua própria prática, estar em contato com inovações na área educacional e viver em constante aprendizagem. "

As formações realizadas com os educadores em 2017 iniciaram no mês de fevereiro com a Jornada Pedagógica, que trabalhou a temática “Vivências e perspectivas de Reestruturação Curricular: a necessidade da diferenciação pedagógica". Os principais objetivos da Jornada foram refletir e discutir sobre as Matrizes Curriculares da Rede Marista, e realizar o planejamento docente, individual e coletivo, por área do conhecimento.

Com as professoras da Educação Infantil, foram realizadas videoconferências formativas e reuniões presenciais com a Assessora da Gerência Educacional da Rede Marista, Loide Trois, abordando a análise da ação docente e o planejamento das atividades de cada nível.

Formação Tecnologias Educacionais.JPG

Os professores também puderam trabalhar através da assessoria do professor e escritor Fabiano Grazioli, que conduziu no mês de junho uma formação através de palestras e oficinas, com o tema “Construção de Práticas de Leitura". Além disso, puderam aprofundar conhecimentos sobre o desenvolvimento emocional dos estudantes e sua interferência na aprendizagem, sob a orientação do psicólogo, Ir. Ludovino Marin. Nesse período, os professores igualmente dedicaram-se ao planejamento das sequencias didáticas.

Também houve um momento de formação com o professor Adriano Canabarro Teixiera, da Universidade de Passo Fundo, quem contemplou os professores de todos níveis de ensino, em que trabalharam sobre os impactos da tecnologia na educação e no dia a dia do estudante, sendo também realizada uma formação com os pais sobre o assunto. Dentro da perspectiva do estudo das Tecnologias Educacionais, os professores também analisaram as ferramentas digitais disponíveis para a potencialização do trabalho docente. O Plano de Formação ainda contemplou a análise do módulo Enem, conduzida pelo Assessor Pedagógico da Editora FTD, Paulo Lima.

Os momentos formativos se estenderam às famílias, que tiveram a oportunidade de participar do ciclo de palestras “Amor e Unidade na Família", com o palestrante Keivan Saberin, do Instituto Anima Mundi; e também de vivências da proposta pedagógica da Educação Infantil e de debates sobre assuntos atuais e que dizem respeito aos jovens. “Os momentos de formação para as famílias são muito importantes para nós, pais, estarmos atualizados sobre a realidade em que nossos filhos estão inseridos. A formação para professores também é fundamental, pois é dessa forma que eles conseguem levar as novidades para a sala de aula e envolver os estudantes nas atividades diárias", afirma Elenice Gottardo, mãe da estudante Bruna Gottardo, do 7º ano EF.