Navegar para Cima

Atividades Extraclasse

Esportes

Departamento de Educação Física e Esportes (Defe) é responsável por gerenciar as modalidades.

​​Tendo em vista o desenvolvimento integral das crianças e dos jovens, a prática esportiva é trabalhada de forma saudável, com foc​​​​o na aprendizagem de valores, no espírito de equipe, na liderança, na convivência e na amizade. 

No Marista Roque, o Departamento de Educação Física e Esportes (Defe) é responsável por gerenciar as modalidades esportivas oferecidas: Basquete, Futebol, Futsal e Vôlei. Ao longo do ano, os estudantes participam de diversos campeonatos, dos quais destaca-se o Maristão - Esporte e Integração. Anualmente, o evento reúne cerca de 2 mil atletas dos Colégios e das Unidades Sociais Maristas.

Benefícios do esporte na prática escolar

Os objetivos do esporte na formação humana são a promoção da saúde, a sociabilização, a construção de valores morais e éticos, a recreação e o lazer. O esporte assume um aspecto recreativo quando é usado como lazer, em que o praticante não se preocupa com a vitória. Ele somente assume uma função formativa quando é voltado ao rendimento e competição, visando a vitória como objetivo final.

No ensino da prática esportiva, pode-se trabalhar expressões corporais como dança, jogos, lutas, exercícios ginásticos, esporte, malabarismo, contorcionismo, mímicas e outros que podem ser identificados como formas de representação simbólica de realidades vividas e culturalmente desenvolvidas. 

Trabalho em equipe

Atividades em grupo fazem com que os alunos aprendam, desde cedo, a trabalhar em equipe e a se habituar com a liderança e o espírito de coletividade. Aos poucos, eles desenvolvem a consciência de que nenhum atleta alcança a excelência de maneira solitária e, com a prática, o estudante percebe a importância de contar com outras pessoas para alcançar os objetivos.​

Desenvolvimento de habilidades

Uma delas é a liderança. Ao ter que tomar a frente em um time, o estudante consegue compreender mais sobre como fazer para motivar os demais jogadores e como atuar estrategicamente em equipe. Ainda é capaz de aprender a receber sugestões e a compartilhar experiências.

Logo, novas habilidades físicas surgem. Há mais coordenação motora, mais desenvoltura corporal e, eventualmente, pode ser descoberta também a aptidão para a prática de uma atividade esportiva de modo profissional.​

Disciplina e responsabilidades

Praticar uma atividade esportiva exige muito comprometimento. É preciso treinar para desenvolver habilidades e pensar em conjunto. É necessário colaboração, realizar debates em prol do grupo e tomar decisões coletivas que buscam o bem comum.

Diante disso, o esporte praticado na escola contribui para que os alunos passem a ter mais disciplina, inclusive, em iniciativas fora da escola. Eles aprendem a importância de manter a responsabilidade e começam a compreender como é importante cumprir com o que foi acordado.​

Atenção e comportam​ento

Se ficam mais disciplinados, os participantes também passam a ter um comportamento melhor. Eles compreendem com mais facilidade os limites, dialogam de maneira mais consistente e agem com mais responsabilidade. A melhora na saúde psicológica e o interesse por ações positivas gera satisfatórios também na atenção, levando a uma maior qualidade de vida.

Hábitos saudáveis

A melhora na saúde também acontece de maneira física. Com a prática regular dos exercícios oferecidos na escola, o estudante tem um desenvolvimento melhor de ossos e músculos, além de combater o sedentarismo. Isso melhora a função cardiovascular e pulmonar, assim como combate a obesidade e as doenças crônicas associadas. Para o futuro, a tendência é que os praticantes se tornem adultos com hábitos mais saudáveis.