Navegar para Cima

Atividades Complementares

Atividades Representativas

PASTORAL JUVENIL MARISTA (PJM)

Foto Oficial PJM.JPG​​​​

Proporcionamos momentos de formação, que levam o estudante a refletir sobre seu papel no mundo, despertando para a responsabilidade consigo, com o outro e com a sociedade.  ​​​​​​​​​A Pastoral Juvenil Marista (PJM) tem por objetivo estabelecer um processo de formação integral que desenvolva os aspectos da espiritualidade, da eclesialidade, da autonomia, do aprofundamento no carisma marista, do protagonismo juvenil e da intervenção na sociedade. 

É uma proposta educativo-evangelizadora que almeja, por meio da escuta e participação dos jovens, capacitá-los para encontrar respostas autênticas aos anseios e necessidades fundamentais das juventudes e da evangelização.

​Evangelizar com vigor, de modo atraente e acessível, constitui o cerne da PJM. Ela será eficaz na medida em que, adaptada à cultura dos adolescentes e jovens, favorece a promoção humana, a solidariedade e o protagonismo juvenil. Sua ação se realiza de diferentes maneiras, segundo a diversidade de experiências que se dão no meio das juventudes.​

Como acontece? Por meio de encontros semanais, conforme o horário de cada grupo, ações conjuntas entre os vários grupos da escola e com outras unidades da Rede.

O que é o Grupo? A partir da experiência grupal, o jovem é chamado a ser atuante, fazer história e incentivado a construir um futuro pessoal e coletivo como agente de mudanças por meio do seu protagonismo.

E o desafio? Os adolescentes e jovens são desafiados a construir a Civilização do Amor, a viver no presente uma experiência concreta de relações e projetos de vida orientados pelos valores cristãos e maristas.

​Sua abrangência

Atualmente, a PJM está presente em 25 unidades da Rede Marista. No total, são 1.958 participantes com idades que variam de 12 a 29 anos. Eles/as estão divididos/as em 122 grupos. Cada grupo é acompanhado por um/a ou dois/duas jovens chamados/as de Animadores/as, somando cerca de 200, que dinamizam a vivência grupal e o processo da PJM na Rede Marista.

O acompanhamento do processo de educação e amadurecimento na fé dos/as adolescentes e jovens da PJM se dá através de Assessores/as, cerca de 34 colaboradores/as maristas que integram o Serviço de Pastoral de cada unidade.

Em nível de rede, também contribui com esse processo a Equipe Provincial, que acompanha a PJM de todas as unidades. É composta por membros da Coordenação de Pastoral, por Irmãos Maristas e por dois/duas jovens que são eleitos/as anualmente, totalizando sete pessoas.​​​​


​​​GRÊMIO ESTUDANTIL MARISTA ​SANT'ANA (GESA)

Equipe GESA 2021.JPG

O GESA promove atividades esportivas, culturais e de lazer para todos os estudantes. É a agremiação que representa os estudantes do colégio, permitindo que discutam, criem e fortaleçam inúmeras possibilidades de ação. Além disso, também é um importante espaço de aprendizagem, cidadania, convivência, responsabilidade e busca por melhorias.​

​​​Para participar, é necessário ​realizar a Formação de Lideranças no ano anterior à candidatura e compor uma chapa conforme edital publicado ano ano da eleição. ​

VOLUNTARIADO

Campanha do Agasalho Voluntariado.JPG

O Voluntariado Marista visa contribuir na construção da Cultura da Solidariedade, colaborando na efetivação da missão de evangelizar, segundo o carisma marista, formando cidadãos comprometidos com a promoção da vida.

Optamos pelo voluntariado educativo, fomentando iniciativas e experiências transformadoras, pessoal e social, no qual o/a voluntário/a entra em contato com distintas realidades, recebendo formação e acompanhamento específicos.

O Voluntariado Marista está a serviço do jeito de Maria (consciente, crítica, disponível, discreta, atenta) e segue os passos de Jesus de Nazaré, atualizando o anúncio e vivência do amor. Atualiza hoje a missão de São Marcelino Champagnat, tendo um olhar de cuidado e amor às crianças, adolescentes e jovens, especialmente os mais pobres. 

As atividades  realizadas pelo/a Voluntário/a Marista podem ser em diferentes áreas em benefício de crianças, adolescentes, adultos e idosos. Essa atuação pode ocorrer em diversas entidades: colégios, centros sociais, lar de idosos, creches, comunidades ribeirinhas, comunidades eclesiais, abrigos, organizações não governamentais, hospitais, postos de saúde, etc.​​​​​